Pesquisar este blog

quinta-feira, 1 de junho de 2017

Migrações Internas no Brasil



FLUXO DAS MIGRAÇÕES INTERNAS



As dinâmicas dos movimentos populacionais realizados dentro do território nacional estão, em regra, associados a fatores econômicos e sociais, dessa forma a concentração populacional sempre ocorreu nas regiões onde se situavam as principais atividades produtivas. Veja abaixo:



EXPANSÃO DA PECUÁRIA

Século: XVI E XVII

Saída: litoral nordestino

Entrada: sertão nordestino

Objetivo: atender as necessidades dos engenhos de cana



MINERAÇÃO

Século: XVIII (1709 até 1789)

Saída: São Paulo e Nordeste

Entrada: Minas Gerais, Goiás e Mato Grosso

Objetivo: explorar o ouro recém-descoberto



PRODUÇÃO CAFEEIRA

Século XIX e XX (1880 até 1930)

Saída: Nordeste

Entrada: São Paulo e Rio de Janeiro

Objetivo: trabalhar nas lavouras de café



CICLO DA BORRACHA

Século XIX e XX (1879 até 1912) e (1942 até 1945)

Saída: Nordeste

Entrada: Amazônia

Objetivo: atender as demandas internacionais por borracha



INDUSTRIALIZAÇÃO

Século XX (1940 até 1980)

Saída: Nordeste

Entrada: Sudeste e Sul

Objetivo: trabalhar na construção civil e setores industriais



CONSTRUÇÃO DE BRASÍLIA

Século XX (1950 até 1960)

Saída: Nordeste

Entrada: Centro-oeste

Objetivo: construir a capital nacional



FRONTEIRAS AGROPECUÁRIAS

Século XX (1970 até 1980)

Saída: Sul e Sudeste

Entrada: Centro-oeste e Norte

Objetivo: trabalhar na agricultura e pecuária



DESCENTRALIZAÇÃO ECONÔMICA

Século XX e XXI (1980 até os dias atuais)

Saída: Nordeste e de capitais brasileiras

Entrada: Sudeste, como também, grandes e médias cidades do interior do Brasil

Objetivo: retornar para a cidade natal


Nenhum comentário: